sábado, 20 de março de 2010

Tempo Louco...

A pequena loucura de um despertar diferente.

...A loucura de sorrir a todos os que por nós se cruzam na rua.
Dizer "Bom dia" a um estranho.

Sorrir para a "vizinha mal humorada".
Ir para o trabalho a pé e deixar o comodismo do carro.

Ser diferente num dia igual.
Passear comendo um gigante saco de gomas.

...E no fim do dia percebo que afinal foi um dia igualmente normal...

Porque pequena loucura é dizer "amo-te" como se não houvesse amanha!!
É perdoar erros passados.
É acreditar na força da energia que me faz acordar todos os dias.
E não, não pode ser apenas rotina...

É um despertar matinal sem fúria a despertadores e com agrado a um novo dia!
Afinal o que mudou no dia igualmente normal não foi a forma como sonhei enquanto dormia.
Foi a forma como percebi que era bom acordar e aí sim, começar o sonho de mais um dia!!

Odeio acordar cedo...
Mas o segundo passado é sempre passado e esse jamais voltará!
Se o dia tivesse 48 horas iriamos desperdiça-los de igual forma e pedir mais 24...
Aproveitemos então as boas 24 horas oferecidas!!
O segundo, como se do último se tratasse.
TiC
tAc

2 comentários:

  1. Este teu texto deixou-me a pensar.
    E é bem verdade. Nunca estamos satisfeitos. Queremos sempre mais.
    Mas eu acho que 24h são mais do que suficientes para haver uma rotina, para quebra-la, para fazer algo diferente. Enfim... já sou eu a divagar.
    Gostei muito deste texto.

    ResponderEliminar
  2. Pois é Sara, mas quantas vezes não perdemos nós segundos da nossa vida com banalidades e rotinas que nada contribuem para a nossa realização ou felicidade?

    Porque só damos o verdadeiro valor do Tempo quando esse começa ser escasso!!

    :)

    Obrigada*

    ResponderEliminar