domingo, 2 de maio de 2010

MÃE

M ã e

Quantas vezes não quero eu fazer mais por Ti?
Quantas vezes não quero eu ficar recolhida no aconchego do "colo de mãe"?
Quantas vezes não quero eu ser uma filha melhor?
Quntas vezes não quero eu dizer "amo-te mãe"

Muitas...
Fazer simplesmente o que gosto e estar ao lado dos que mais amo.
E sem sombras de dúvidas que tu,
sim...
TU és a pessoa que eu mais amo MÃE

és Rosa
és Amor
és Vida
és a companheira da minha Viagem

Palavras para a minha Mãe?
Faço um poema em branco...

Porque não há como medir, comparar ou descrever
MÃE

Porque para mim ser tua filha é mais que suficiente
é respirar
e
viver

Uma flor para ti, não no "teu dia"
Porque és MÃE
Mesmo para além do fim de a nossa Viagem

1 comentário:

  1. Palavras tão lindas a todas as mães dedicadas.Beijos.

    ResponderEliminar