quarta-feira, 17 de fevereiro de 2010

Adeus Invicta!

Mais uma vez, hora de fazer a mala e partir...

Partir em buscar de uma outra nova fase...

Ir ao econtro da pequena cidade!

Da velha rotina...

Cruzar-me com velhas pessoas!


Chegou a hora de mais uma vez dizer: "Adeus  Porto"
Velha Cidade mágica
Cidade da chuva

A cidade que me acolheu!
Que me recolheu...

A ti voltei.
De novo em ti me refugiei...
Chorei
Fiquei comigo mesma!

Recordei aquela dor...
Aqueles sitios...
Aquelas ruas...

Aqueles velhos momentos que insistem em renunciar algo!

Mas tu fazes-me ver as coisas de outra forma.
Parto de novo
Com mais um bocadinho de mim...

Com um pouco mais de ti...
Sim, recordo a dor e angústia!
Revivo o amor!
Choro com a saudade de quem algo em ti perdeu...

Mas consigo partir ainda com saudade
e sobretudo
Sorrindo!

Porque em ti estive
de ti parto
em mim ficas!

Quero voltar em breve...
Porque já fazes parte de mim!

Porque de ti faço parte!

Todos aqueles segredos que guardamos não vão com esta mala...

Entre mim e ti...

Naquelas pontes que serviram de testemunha á nossa história.
A nossa velha e não enterrada e jamais esquecida história!

Com aquele olhar que nasceu em ti, não olho para trás!

Sorrio apenas com uma pequena lágrima,
de quem jamais te dirá adeus Invicta!

Até já Porto!!

1 comentário:

  1. Adeus Porto!
    Mas a Pronúncia do Norte continua...

    ResponderEliminar